top of page

CBDI REALIZA PRIMEIRO EVENTO COM RECONHECIMENTO INTERNACIONAL DA INAS


Foi realizado entre os dias 03 e 05 de maio de 2019, no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, o Meeting Brasileiro de Atletismo CBDI 2019. O campeonato, que teve o apoio do CPB – Comitê Paralímpico Brasileiro e a organização da CBDI – Confederação Brasileira de Desportos para Deficientes Intelectuais, contou com a participação de 26 equipes de 07 estados do país e teve também, a partir deste ano o reconhecimento da Federação Internacional – INAS.

Mais uma vez o evento foi um sucesso, várias marcas pessoais e recordes foram batidos. Algumas dessas marcas muito expressivas no cenário mundial, como a do Atleta Samuel Oliveira Conceição (T20), da equipe IEMA SBC, com o tempo de 55”06. Esta seria hoje o recorde mundial da prova, mas, infelizmente não poderá ser homologada, pois o atleta não tem ainda o registro na INAS, que é a Federação Internacional. O atleta conquistou também, com essa marca, o índice para a prova no Global Games INAS 2019.

Outro grande resultado foi do atleta Wellington Fernandes Santos (T20), da equipe APARU-Uberlândia/MG, que quebrou o recorde mundial na prova do Heptathlon, fazendo 4.235 pontos, marca que será agora submetida ao reconhecimento da Federação Internacional INAS.

Tivemos ainda, atletas que conquistaram o índice para o Global Games INAS 2019: Jonas Alves dos Santos (T20),da equipe JR/SP, nos 10.000 metros; Daniel Tavares Martins (T20), da equipe AMEI Marília/SP, nos 100m rasos (Daniel é Bicampeão Mundial; Medalhista de Ouro nos Jogos Paralímpicos Rio 2016 e detentor do recorde mundial da prova dos 400m rasos); Gustavo Henrique de O. Dias (T20), da equipe AMEI Marília/SP, no Heptathlon (este atleta já havia conquistado o índice nos 100m rasos para o Global Games INAS 2019, no Campeonato Brasileiro de Atletismo CBDI 2018); Mario Torres Filho (Down), da equipe IEMA SCS, nos 100m rasos, e Josenei Greczyczyn (Down), da equipe APAE Prudentópolis/PR, nos 400m rasos.

Juntando-se a estes, ainda temos: Jardênia Felix (T20), da equipe CPRN/RN, nos 100m rasos, e Nick Anderson (T20), da Equipe Clube Inclusivo/SP, nos 100m rasos, ambos conquistados no Campeonato Brasileiro de Atletismo CBDI 2018.

Ao todo, foram batidos 18 recordes, sendo 08 no masculino e 10 no feminino. Várias medalhas e troféus foram distribuídos entre os atletas.

“Mas o que mais importa, não é a cor da medalha, nem o lugar mais alto do pódio, e sim a alegria, a determinação, e, principalmente, a força de vontade que esses verdadeiros guerreiros têm em superar as dificuldade e os obstáculos de suas vidas. Parabéns a todos que direta ou indiretamente, fizeram de mais este evento da CBDI um show, onde, quem brilhou mais uma vez, foram nossos atletas com Deficiência Intelectual e Síndrome de Down” destaca o professor Wilson Lopes Junior.

Profº. Wilson Lopes Junior Deptº. Técnico CBDI

Comments


bottom of page